quinta-feira, 20 de agosto de 2009

daqui, vejo-te ao perto com o longe da minha cabeça.

daqui, vejo-te ao perto com o longe da minha cabeça.
daqui, flui o nosso passado
por entre o presente
que se recusa a interpretá-lo.

4 comentários:

  1. Com dedicatória? ;)
    Raquel

    ResponderEliminar
  2. Para quem por existir me faz sorrir, Raquel . :)

    ResponderEliminar
  3. obrigado, então..(risosssss)!!!!!

    ResponderEliminar

Who's linking to you?

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!